Bem-Vindos a "O Bar do Alcides"!

* O Bar do Alcides não faz favores a ninguém!
* É apolítico e imparcial!
* Todos os portugueses são vítimas da MAÇONARIA, que continua destruindo a nossa Nação!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Clientes e Não-Clientes do Partido Socialista em Portugal.


Lamentamos profundamente que o nosso País ainda viva sob o preconceito de "DIREITA", de "CENTRO"... ou de "ESQUERDA".

Esse preconceito que vem dos finais do Século XIX e que cresceu durante o Século XX, não tem mais cabimento em 2010.

Hoje, temos somente os que estão a "FAVOR DA SITUAÇÃO", porque de alguma forma são "CLIENTES" do "Sistema Governamental" (e que não chegam a 10% da população de Portugal...).

E depois temos os que "NÃO ESTÃO A FAVOR DA SITUAÇÃO", porque têm sido atingidos pelas políticas incorrectas, diremos mais, "POLÍTICAS DE MÁ-FÉ" que lhes têm tirado poder de compra, baixado o nível de vida ou pior, que hoje estão desempregados e que NÃO conseguem arranjar emprego, seja pela idade que têm, seja porque motivo for.


* HOJE TEMOS FOME EM PORTUGAL!


* HOJE TEMOS 2 (DOIS) MILHÕES DE PORTUGUESES A VIVER NO "LIMIAR DA POBREZA"!


* HOJE TEMOS 10,5% DA POPULAÇÃO "ACTIVA"...DESEMPREGADA!


A ALIANÇA NACIONAL POPULAR - ALIANÇA JOVEM, ESTÁ COMO É ÓBVIO COM ESTA GENTE QUE SOFRE DIÁRIAMENTE E A QUEM AINDA LHE QUEREM TIRAR O POUCO QUE TÊM!


ENQUANTO ASSISTIMOS AOS GOVERNANTES, AOS ADMINISTRADORES, AOS DIRECTORES, AOS ACESSORES POLÍTICOS, AOS GESTORES DAS EMPRESAS PÚBLICAS E AOS GESTORES DAS EMPRESAS PRIVADAS DE CAPITAIS PÚBLICOS GANHAREM AUTÊNTICAS FORTUNAS MENSAIS E ACUMULAREM AINDA BÓNUS E PRÉMIOS, DIGNOS DE UM PRIMEIRO PRÉMIO DO EUROMILHÕES!


HÁ JUSTIÇA EM PORTUGAL ASSIM?


FOI PARA ISTO QUE FIZERAM A "GRANDE FARSA" DO 25 de ABRIL?????

Por: Aliança Jovem

Comments:

Então isto é que era o tal "Socialismo" que tanto nos vendiam antes do 25 de Abril?????"Bardamerda mais ao Socialismo em que uns poucos têm os "BOLSOS CHEIOS" e a maioria do Povo Português está cada vez mais na MISÉRIA SEM EMPREGO, SEM TRABALHO, SEM SALÁRIO, enfim...SEM NADA!

António Portugal sic