Bem-Vindos a "O Bar do Alcides"!

* O Bar do Alcides não faz favores a ninguém!
* É apolítico e imparcial!
* Todos os portugueses são vítimas da MAÇONARIA, que continua destruindo a nossa Nação!

sábado, 29 de agosto de 2009

Novo E-Mail recebido pelo Bar sobre o CASO POCALYCO.

Como já deve perceber, estamos perante um caso Político e de ESTADO, da maior gravidade, pois entronca em vários outros casos, noutros Estados, à beira de serem tornados públicos. Não se trata de nenhum caso mexerico e cível, como até aqui se tem querido fazer crer ali para os lados do campo da Várzea – Tribunal de Torres Vedras. Por isso, pergunto-lhe se já fez mais algum progresso sobre este caso Pocalyko/ LGT / Arnaut/ Barroso/ GD? Seria interessante começar por pedir umas entrevistas Jornalísticas a estes senhores a aos intervenientes diversos. Se entrevistar o Juiz Rogério Pereira ( entretanto oportunamente transferido para a Figueira da Foz) pergunte-lhe porque razão “eliminou” dos processos todas as provas e alegações que eu invoquei contra o bandido americano e gang respectivo ( por despacho saneador e não só), e veio no fim da classificação da Insolvência da Tecnia escrever uma sentença em que diz que eu nada aleguei que provasse que tinha havido interferência ou acção externa !!!! ESTÁ ESCRITO!!! Também há umas cassetes do Tribunal de Trabalho de TV fantásticas. Mas não vamos dar importância aos Tribunais de Torres. É apenas uma peça de um grande puzzle internacional. O Tribunal de Torres Vedras é o terreno “deles”. Parece a gripe suína, a ser “confinada” numa pocilga do fim do mundo , lá para o meio do México. Já agora, ficam umas perguntas no ar : Porque razão o Pocalyko gastou mais de 2 milhões de Euros para forçar à destruição e encerramento da Tecnia, se ele era o principal credor ( em teoria; já sabemos que o credor era a CPC) e por isso estaria assim a deitar fora os seus créditos? Também pode passar pelos escritórios dos advogados Vieira de Almeida e perguntar pelas “Malas de dinheiro” tão apregoadas em Janeiro de 2007, pelo Duane Baker e Vitor Almeida, supostamente para distribuir por Directores e funcionários da Tecnia que se mostrassem submissos ao americano, ou seria antes “subornados”? Por falar nisso, pergunte ao VdA se foi de lá que organizaram o assalto à Tecnia em Fev 2007 ? E tb pode perguntar quem financiou e com que dinheiro a viagem colectiva aos EUA para treino e formação de testemunhas contra a Tecnia…. Ninguém gasta dinheiro para perder ainda mais dinheiro. Neste caso milhões!!! A pergunta marcada a amarelo, tem uma só resposta. Quando perceber a resposta, perceberá muita coisa: A Tecnia fechou a pedido da Erdevel Europa/ LGT/ Arnault. Já antes a Erdevel tinha fechado a Sonne+Energy ( Alemanha) , a Sidelpol ( Itália) e tentado arruinar tb a Waterleau ( Belga). A Erdevel , por sua vez, nem dois meses se manteve aberta depois de forçar ao encerramento a Tecnia, com carteira de exportações superior a 11 M €. Só o Estado perdeu muitos Milhões, entre impostos e taxas , etc. Será por isso que a Price Waterhouse & Coopers, foi para a Tecnia, à porta fechada, fazer desaparecer documentos ? a pedido de quem? Quem pagou à PWC os mais de 200.000€ pelo “ auditoria”? E quem encomendou o “serviço”? Por isto mesmo, os crimes contra a Tecnia, também são contra o Estado e por isso a Justiça não pode fazer vista grossa de crimes Públicos, sob pena de ser um instrumento do encobrimento desses crimes. A seguir à “limpeza e apagamento” precipitado da Erdevel , em Julho 2008, o Americano renunciou a todos os cargos que tinha em todas as empresas que tinha na Europa e KSA. A LGT lux tb fechou , ainda em finais de 2007. A seguir o Arnaut saiu? da Comissão de Defesa Nacional em data incerta a que não tivemos acesso. Mas a traição já estava feita.E se o Arnaut e o Barroso estão limpos, então porque motivos deixam que do estrangeiro lhes chamem tudo do pior, mais do que corruptos, sem sequer se indignarem??? Seria interessante saber quem deu carta branca ao Pocalyko para vir para Portugal em 2003 montar uma parte da mega fraude internacional de contrapartidas Ponzi- Pocalyko. Nessa altura era Primeiro Ministro Durão Barroso e Ministro Adjunto José Luis Arnaut. Por isso devem saber alguma coisita, pois os negócios de Estado, do tamanho de 274 PandursII . não são propriamente trocos. Entretanto, porque motivos o Tribunal de Torres Vedras continua a inventar processos atrás de processos só para me esgotar financeiramente, e apesar de todas as denúncias, recusa todas as provas , todos os depoimentos sobre as fraudes contra a Tecnia e contra Portugal, do Americano? Actualmente, o Tribunal de Torres Vedras, deixou de julgar, tem estado a praticar Caça às Bruxas e prepara-se para efectuar o meu linchamento. De tão autoritários e autistas que são, convencidos de poderem fazer tudo como lhes convém, nem sequer percebem que já toda a gente sabe do assunto. Com o andar da carruagem, iremos ter em breve o FBI e a INTERPOL a pedir ao Tribunal de Torres que esclareça porque me quer linchar e porque se recusa a investigar as fraudes do Pocalyko. E porque motivos a justiça Portuguesa ???? nem quer ouvir falar das fraudes das contrapartidas do Pocalyko? Será para não incomodarem o Irmão Pocalyko, da Loja 22 de Alexandria, enquanto ele vai construindo a sua Mansão de nome Armatrea, nas montanhas azuis de Shenandoah, Virgínia, com que dinheiro? se o “pobrezinho” perdeu tudo na Erdevel, na Tecnia, na Siderpol, na Sonne+Energy, na Waterleau, na A.E.R. , na Envambien, na Erdevel Water, na LGT, Na Erdevel KSA, na MEV Holding chipre, na Monticello Capital Barbados, na Challenger Corporation, e sabe-se lá que mais. Sem querer, este caso vai acabar por fazer a Loja do Sino, soar a uma campainhazita . É que neste caso a coisa soa mais a CARRILHÃO!!! Cumprimentos Nota: SE ACHAR NECESSÁRIO, POSSO FORNECER OS E-MAILS DE TODA ESTA GENTE, TELEFONES, ETC. NÃO FIQUE NA DÚVIDA. VÁ PERGUNTANDO, PARA VER SE ALGUM RESOLVE FALAR VERDADE.